Atlético elimina Inter e vai à final da Copa do Brasil

O Atlético está garantindo na final da Copa do Brasil 2016. A classificação veio após o empate em 2 a 2 com o Internacional, na noite desta quarta-feira, no Independência, pelo jogo de volta da semifinal da competição. Como o Galo ganhou o jogo de ida por 2 a 1, o alvinegro avançou na competição e enfrentará o Grêmio, que eliminou o Cruzeiro.

O jogo
O Galo teve sua primeira oportunidade após falha na saída de bola do Internacional e o cruzamento de Lucas Pratto pela direita foi cortado pela defesa gaúcha antes que a bola encontrasse Robinho de frente para o gol. O time visitante respondeu na conclusão de Valdívia, para fora.

Otero sofreu falta pela esquerda, aos sete minutos. Ele mesmo fez o levantamento para a área e Erazo cabeceou para fora, sobre o gol. Aos onze minutos, Vitor defendeu a finalização de Valdívia.

Aos 15 minutos, Lucas Pratto tabelou com Robinho e teve o cruzamento interceptado pelo goleiro Danilo Fernandes. Aos 27, a equipe gaúcha fez 1 a 0 com Aylon.

O empate atleticano quase veio três minutos depois, quando Luan cruzou e Lucas Pratto finalizou na trave. Aos 35, depois de boa troca de passes, Carlos César cruzou rasteiro para o corte da defesa colorada.

Lucas Pratto cruzou pela direita e Carlos César finalizou para a defesa de Danilo Fernandes. Robinho sofreu falta pela direita, aos 42 minutos, Otero cobrou e o goleiro tirou de soco.

Aos 45, Lucas Pratto deu uma gaúcha em seu marcador e tocou para Robinho chutar cruzado e empatar o jogo no Horto: 1 x 1.
30108268463_6f1d64be0d_z

Victor errou o domínio da bola recuada por Erazo, aos 48 minutos, Anderson aproveitou e fez 2 x 1 para o Internacional. Imediatamente, o goleiro recebeu o apoio da torcida e também dos companheiros de equipe.

SEGUNDO TEMPO

O Atlético voltou para a etapa final com a mesma formação e o Inter ameaçou em cruzamento pela esquerda, com a bola saindo rente ao travessão.

Aos oito minutos, Lucas Pratto sofreu falta pela direita, Otero cobrou direto e a bola explodiu no zagueiro. No minuto seguinte, Luan finalizou meio sem ângulo e a bola desviou no zagueiro.

Cazares entrou no lugar de Luan aos onze minutos. Logo depois, Valdívia cobrou falta e a bola desviou na barreira antes de sair pela linha de fundo, assustando o goleiro Victor.

Otero cobrou escanteio pela direita e a defesa gaúcha afastou o perigo. Aos 15 minutos, Leandro Donizete rompeu a defesa e tocou para Robinho, ele deu ótimo passe de primeira para Luas Pratto e o argentino não perdoou, empatando novamente o jogo no Horto: 2 x 2.

BELO HORIZONTE / MINAS GERAIS / BRASIL 02.11.2016 Atlético x Internacional no Independência - Copa do Brasil 2016 - foto: Bruno Cantini / Atlético

Otero cobrou falta perto da área, aos 17 minutos, e a bola explodiu na barreira. Aos 22, Otero fez boa jogada pela direita e cruzou para o corte da zaga. Robinho tentou lançamento para Júnior Urso e o goleiro Danilo saiu do gol para interceptar.

Aos 25, o Galo partiu em contra-ataque com vantagem numérica e o árbitro Jailson Macedo de Freitas parou o jogo para atendimento do atleta gaúcho. Carlos César arriscou de fora da área, aos 27, e Danilo Fernandes fez grande defesa no canto direito.

Otero cobrou escanteio fechado aos 28 minutos, Robinho desviou de cabeça e a bola foi para fora. Em seguida, Otero chutou de fora da área e exigiu outra boa intervenção do arqueiro gaúcho. Aos 41, Rafael Carioca entrou na vaga de Otero.

Uma confusão próxima ao banco do Inter parou o jogo por alguns minutos. Aos 51, Robinho foi substituído por Clayton. Ao apito final, a  Massa Atleticana comemorou a classificação.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 2 x 2 INTERNACIONAL

Atlético: Victor; Carlos César; Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Luan (Cazares) e Otero (Rafael Carioca); Robinho (Clayton) e Lucas Pratto. Técnico: Marcelo Oliveira.

Internacional: Danilo Fernandes; Ceará, Alan Costa, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho, William e Anderson (Andrigo); Valdívia (Eduardo Sacha) e Aylon (Ariel). Técnico: Celso Roth.

Gols: Aylon (27′ – 1T), Robinho (45′ – 1º T), Anderson (48′ – 1T), Lucas Pratto (15′ – 2T)

Cartões amarelos: Luan, Rafael Carioca (Atlético); Aylon, Sasha, Ceará, Valdívia, Ariel (Internacional)
Cartão vermelho: Paulão (Internacional)

Motivo: Copa do Brasil – Semifinal – Volta
Data: 02/11/2016
Hora: 21h45
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Público: 20.447
Renda: R$1.434.860,00
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (ESP/BA)
Auxiliares: Alessandro A. Rocha de Matos (Fifa/BA) e Bruno Raphael Pires (Fifa/GO)

Fotos: Bruno Cantini/CAM

 

Comentários