Benfica e Vila Celeste empatam sem gols na final do Ipatinguense Sub-15

Equipes não conseguiram balançar as redes. Fotos: Igor Reis/Vale do Aço Esportes

Os times de Benfica e Vila Celeste se enfrentaram na tarde desse domingo (23), no campo do Canaã, pelo primeiro jogo da final do Campeonato Ipatinguense Sub-15. Apesar de uma partida muito disputada, o placar terminou em branco.

O jogo começou bem pegado e truncado. Com poucas jogadas bonitas, o espetáculo ficou com conta das duas torcidas que compareceram em peso e motivaram as equipes.

O Vila Celeste começou melhor a partida, explorando as jogadas aéreas, mas o Benfica pouco depois reagiu, encaixando a marcação.

A melhor chance do Benfica no jogo foi quando Rhayan disputou com bola com a zaga, ganhou a área e ia saindo cara a cara com o goleiro Lucas.  Porém o árbitro Fábio Gomes viu, acertadamente, o atacante dominando a bola com a mão e assinalou falta.

Pelo Vila, a melhor oportunidade ficou por conta do camisa 9 Bruno. O atacante recebeu bola na área e chutou para o gol, porém o volante André se atirou na bola e de “cara” evitou o gol adversário.

Na reta final, o Benfica ficou com um jogador a menos. Pedro Henrique recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de jogo. Mesmo com a vantagem numérica, o Vila não conseguiu balançar a rede. Terminando o jogo em 0 a 0.

Com o empate a definição do campeão fica em aberto para o Ipatingão, no próximo domingo. Assim, Benfica e Vila Celeste brigam pela vitória para levantar a taça. Em caso de novo empate, a decisão será nas penalidades máximas.

O Benfica, do técnico Dedeco, foi a campo com: Lukas, Paulo Vitor (Juan Pablo), Jhean Lucas, Lucas (Antony), Jean, Pedro Henrique, Rhayan, Matheus (Gabriel), Edson, Carlos.

O Vila Celeste, comandado por Mikael Franca, jogou com: Lucas Viana, Rubens, Andrew, Gustavo, Ruan, Gabriel, Emanuel, Gustavo, Washington (Pedro Henrique), Victor e Bruno.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários