Boa Esporte a um empate do título da Série C

Jogando em um estádio lotado e contra o melhor ataque do Campeonato, o Boa Esporte Clube garantiu o empate contra o Guarani, por 1 a 1, na noite deste sábado (29), no Brinco de Ouro, pelo jogo de ida da final da Série C do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, a equipe comandada pelo ipatinguense Ney da Matta, dona da melhor defesa, decide o título em casa com o apoio da torcida varginhense, tendo a vantagem de um empate sem gols para levantar a taça.

Ney da Matta
Treinador ipatinguense, Ney da Matta, a um empate do título. Foto: ACS Boa Esporte

No primeiro tempo, a equipe Boveta manteve a proposta de jogo e apostou nos contra-ataques contra o Guarani. Aos 14 minutos de jogo, o atacante Braian Samúdio cabeceou com perigo, mas a bola saiu por cima do gol. Os donos da casa responderam com Denis Neves, que acertou a trave de Daniel.

Aos 38 minutos, falta perigosa para o Boa Esporte, que Rodolfo bateu. A bola tinha endereço certo, no ângulo esquerdo, mas o goleiro Leandro Santos fez grande defesa.

No segundo tempo, o Guarani começou assustando e aos 14 minutos, Fumagalli cobrou falta, Leandro Amaro desviou de cabeça e Daniel fez grande defesa. Mas, dois minutos depois, Leandro Amaro, de cabeça, abriu o placar na partida: 1 a 0 Guarani.

Após o gol do Guarani, o Boa Esporte foi para cima e quase empatou com o meia Tchô. Aos 30 minutos, o atacante Rodolfo recebeu um belo passe do lateral Romano e com um belo chute a bola foi parar no fundo do gol do Guarani: 1 a 1.

No lance seguinte, Rodolfo quase virou o jogo para a equipe Boveta, com o cruzamento do lateral Leonardo. Porém, o atacante mineiro não alcançou a bola.

A decisão do título da Série C, será realizada em Varginha, no próximo sábado (5/11) às 18h45, no estádio do Melão. A equipe Boveta joga por um empate sem gols.

Foto: Israel Oliveira / Guarani Press

Comentários