Galo derruba Ponte no Moisés Lucarelli


Atlético venceu a Ponte Preta de virada, por 2 a 1, com gols de Elias e Otero.
Elias marcou o primeiro gol do Galo na partida. Foto: Bruno Cantini/CAM

O Atlético foi até Campinas enfrentar a Ponte Preta, neste domingo, pela 22ª rodada do Brasileirão. A Macaca saiu a frente do marcador no primeiro tempo, com Léo Gamalho, mas na etapa final o Galo virou o jogo com gols de Elias e Otero. Com o resultado positivo fora de casa, o Galo chegou a 29 pontos e subiu para o 11º lugar na tabela de classificação.

O JOGO
O Galo foi o primeiro a levar perigo na cobrança de falta de Valdívia pela esquerda e o goleiro Aranha saiu para tirar de soco. Aos dois minutos, Valdívia sofreu falta pela esquerda, ele mesmo cobrou e Aranha fez a defesa.

A equipe da casa ameaçou em cruzamento rasteiro pela direita e Bremer fez o corte na pequena área. Aos 14 minutos, Cazares cobrou escanteio pela direita e a zaga paulista fez o corte pelo alto.

Aos 26, Valdívia chutou da entrada da área e exigiu grande defesa de Aranha no canto direito. Em novo ataque atleticano, Valdívia cobrou mais uma falta pela esquerda, Rafael Moura desviou e a bola ficou fácil para o goleiro.

O Atlético tinha mais posse de bola e, aos 31, Cazares arriscou de fora da área, por cima do gol. Valdívia sofreu falta aos 34 minutos, ele mesmo o levantamento para a área e a bola saiu direto pela linha de fundo.

Adilson sofreu falta na intermediária pela direita, aos 38, e a cobrança de Cazares foi cortada pela defesa da Ponte. Na sequência do lance, Elias retomou a bola e deu ótimo passe para Cazares na grande área pela direita, mas Aranha interceptou o cruzamento rasteiro que buscava o zagueiro Leonardo Silva.

Aos 44, Léo Gamalho fez 1 a 0 para a Ponte Preta, resultado parcial injusto e que não refletiu  a produção das equipes na etapa inicial.

SEGUNDO TEMPO

O Galo voltou do intervalo com a mesma formação e Victor logo fez boa defesa na conclusão de Emerson Sheik. O Atlético respondeu em boa jogada entre Cazares e Fábio Santos pela esquerda, mas Valdívia foi desarmado na continuação do lance.

Rafael Moura recebeu a bola na área e foi desarmado ao tentar o drible. Elias empatou para o Galo aos 15 minutos, após boa trama ofensiva pela direita. No lance, Marcos Rocha cruzou rasteiro, o goleiro Aranha fez o corte parcial e Elias pegou o rebote para igualar o marcador: 1 x 1.

Aos 23, Rafael Moura foi substituído por Clayton. Nove minutos mais tarde, foi a vez de Valdívia deixar o campo para a entrada do venezuelano Otero.

Aos 35, o Galo conseguiu puxar bom contra-ataque com Cazares, mas depois dos passes de Luan e Elias, a zaga paulista se recuperou e afastou o perigo. Em seguida, Otero cruzou rasteiro pela esquerda para o corte da defesa da Ponte.

O Galo levou perigo aos 40 minutos, quando Clayton ajeitou a bola de calcanhar e a finalização de Otero explodiu no zagueiro. Logo depois, Luan foi substituído por Yago.

Aos 43, Elias sofreu falta na intermediária, Otero cobrou com perfeição e decretou a virada atleticana: Galo 2 x 1.

Na próxima rodada, o adversário será o Palmeiras, dia 9 de setembro (sábado), na Arena Independência, em Belo Horizonte.

Antes, o Galo enfrentará o Internacional, quarta-feira (30/8), no Beira-Rio, em Porto Alegre, pelas quartas de final da Copa da Primeira Liga.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 1 x 2 ATLÉTICO

Ponte Preta: Aranha; Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Jeferson; Fernando Bob (Claudinho), Jadson (Wendel) e Elton; Felipe Saraiva (Maranhão), Emerson Sheik e Léo Gamalho. Técnico: Gilson Kleina.

Atlético: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Bremer e Fábio Santos; Adilson, Elias, Valdívia (Otero) e Cazares; Luan (Yago) e Rafael Moura (Clayton). Técnico: Rogério Micale

Gols: Léo Gamalho (44’ – 1ºT), Elias (15’ – 2º T), Otero (44’ – 2ºT)
Cartões amarelos: Elias, Otero, Adilson, Marcos Rocha (Atlético); Emerson Sheik, Claudinho, Wendel, Elton (Ponte Preta)

Motivo: Campeonato Brasileiro (22ª rodada)
Data: 27/08/2017
Hora: 16h
Estádio: Moisés Lucarelli
Cidade: Campinas (SP)
Público: 5.779
Renda: R$80.390,00
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa-PR)
Auxiliares: Bruno Boschilla (Fifa-PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (CBF-PR)

Comentários