Galo joga mal e sofre derrota para o Libertad na Libertadores

Libertad venceu com gol de Ángel Cardozo. Foto: Conmebol

Em partida válida pela 3ª rodada do Grupo 6 da Conmebol Libertadores Bridgestone, o Galo perdeu por 1 a 0 para o Libertad, na noite desta quarta-feira, no Paraguai.

O jogo foi disputado com o gramado do Estádio Nicolás Leoz em péssimas condições, devido à forte chuva que caiu durante todo o dia na capital Assunção.

Na próxima rodada da Libertadores, o Atlético receberá o próprio Libertad, em Belo Horizonte, às 19h30 da próxima quarta-feira (26/4).

Antes, às 16h deste domingo, o Atlético decidirá a classificação para a final do Campeonato Mineiro, enfrentando a URT na segunda partida da semifinal.

O JOGO
O jogo começou sob chuva contínua e o Atlético ameaçou o time da casa pela primeira vez aos oito minutos, em falta sofrida por Otero. O próprio venezuelano cobrou e o goleiro Rodrigo Muñoz fez a defesa.

Aos 16 minutos, Otero fez cruzamento pela direita, Danilo desviou e a bola resvalou no zagueiro antes de sair pela linha de fundo. Danilo cobrou o escanteio e Gabriel disputou o lance de cabeça, mas a defesa paraguaia conseguiu efetuar o corte.

O Libertad fez 1 a 0 aos 26 minutos, com Ángel Lucena. O Galo levou perigo no cruzamento de Robinho pela esquerda, aos 37 minutos, cortado pela zaga do Libertad.

Aos 44, Otero cruzou duas vezes pela direita e a defesa adversária levou a melhor pelo alto.

SEGUNDO TEMPO

O técnico Roger Machado promoveu a entrada de Rafael Moura no intervalo, no lugar de Danilo. No primeiro lance, Rafael Moura conseguiu ganhar escanteio, que Otero cobrou para o corte da zaga.

Aos cinco minutos, Fred abriu o jogo pela direita, recebeu a bola e levantou a bola na área, mas a defesa paraguaia interceptou o cruzamento. Fred finalizou da entrada da área, aos 13 minutos, e o goleiro Muñoz fez a defesa. Foi a última participação do artilheiro no jogo, uma vez que ele foi substituído por Maicosuel, aos 18 minutos.

Robinho cruzou pela direita, aos 19 minutos, e a defesa do Libertad afastou o perigo. Aos 23, Giovanni fez boa defesa na cobrança de falta de Ramírez.

O equatoriano Cazares entrou em campo aos 27 minutos, substituindo Otero na terceira alteração do time atleticano.

O Libertad ameaçou aos 33 minutos, na conclusão de Benítez, para fora. No minuto seguinte, Marcos Rocha foi à linha de fundo pela direita e cruzou para nova interceptação da defesa.

Fábio Santos cobrou escanteio pela esquerda, aos 37 minutos, e a defesa do Libertad cortou novamente o cruzamento. O Atlético pressionou com seguidas bolas alçadas na área e cortadas pela zaga paraguaia. Aos 41, após levantamento de Cazares, Elias escorou de cabeça e Rafael Moura se atirou para tentar fazer o gol, mas foi travado pelo zagueiro.

Leonardo Silva ainda fez uma última tentativa após cruzamento de Marcos Rocha pela direita, mas o Galo não chegou ao gol de empate.

 

Comentários