Prefeitura abandona o esporte e obras no Ipatingão são realizadas por empresas privadas

Nas redes sociais um dos assuntos mais comentados pelos desportistas ipatinguenses é sobre os eventos que estão sendo realizados no Ipatingão e que vão acontecer. Para que os eventos Campori e Villa Mix pudessem ser realizados, a Igreja Adventista do Sétimo Dia e uma agência de shows de Ipatinga, tiveram que arcar com as despesas para que o estádio tivesse seus laudos liberados.

Segundo a Secretária de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Leida Tavares, as obras não tiveram custos para o município e ficaram em torno de R$ 80 mil. O que gera certa estranheza, foi que o Ipatinga Futebol Clube, tentou uma parceria desse tipo com o município, para que fosse realizado obras no estádio, de modo que o Tigre mandasse seus jogos em Ipatinga, porém não surtiu efeito. Com isso, o Ipatinga teve que mandar seus jogos em Coronel Fabriciano e acabou sendo rebaixado à 3ª divisão do Estadual.

Confira o vídeo em que a secretária falou aos desportistas, na Liga de Desportos de Ipatinga, sobre as obras no Ipatingão.

Comentários