Social busca parcerias para a disputa do Módulo II

A diretoria do Social já está finalizando o planejamento para 2017, ano que o time tem como principal objetivo a conquista do acesso ao Módulo I do Campeonato Mineiro. Porém, para fechar o planejamento, a diretoria aguarda a confirmação do Conselho Técnico da Federação Mineira de Futebol (FMF) e o apoio de algumas empresas, para que assim comece as contratações.

O presidente do Social, Chico Simões, explicou que todo o planejamento está sendo feito e que a primeira fase é o contato com os empresários. “O Social é um dos patrimônios de Coronel Fabriciano, os empresários sabem da importância do Social para a cidade e que, só poderemos fazer uma boa equipe com ajuda deles. Por causa disso, estamos visitando os empresários que querem ajudar o clube, expondo sua marca no estádio e nas nossas propriedades comerciais como site, banner de entrevistas, etc. Através dessa capitação de recursos é que vamos ter caixa para realizar as contratações de atletas”, disse.

Questionado sobre o apoio da nova gestão da prefeitura, Chico Simões foi bem claro em dizer que no Social não existe desavenças políticas: “O Social é um clube amado por todos os fabricianenses independente de partido político. Eu quero deixar isso bem claro, tanto que, durante o tempo que fui prefeito sempre ajudei o Social independente do lado político dos presidentes anteriores. Assim como estou sentindo a abertura de empresários de todas as vertentes políticas, também esperamos contar com o apoio da prefeitura para fazermos um bom campeonato e recolocar o Social na primeira divisão”, explicou.

O presidente vive a expectativa da reunião do Conselho Técnico da FMF, para que assim seja fechada a programação do Social. “Estamos no aguardo da reunião para definir as datas de apresentação da equipe, testes, pré-temporada e outros detalhes como logística de viagens, etc. Queremos assim que der colocar tudo em um cronograma e seguir rigorosamente”, explicou Chico Simões.

A Federação Mineira de Futebol ainda não divulgou o edital de convocação do Conselho Técnico para o Módulo II, mas deve acontecer em novembro. A expectativa é que a competição siga os moldes do ano anterior, mantendo em seu regulamento o uso de apenas sete jogadores acima de 24 anos.

 

Comentários